ABJD denuncia Bolsonaro por crime contra a humanidade no Tribunal Penal Internacional

Presidente estimula o contágio e coloca a vida de milhares de pessoas em risco na pandemia A ABJD (Associação Brasileira de Juristas pela Democracia) protocolou nesta quinta-feira, (2/4) uma representação (Leia a íntegra em português e inglês) no TPI (Tribunal Penal Internacional) contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, pela prática de crime contra a humanidade que vitima a população brasileira diante da pandemia de coronavírus.

Acesse o texto de divulgação em inglês e espanhol.
De acordo com a entidade, o Brasil possui, no atual momento, um chefe de governo e de Estado cujas atitudes são total e absolutamente irresponsáveis. Por isso, solicitam ao TPI que instaure procedimento para averiguar a conduta do presidente e condene Bolsonaro pelo crime contra a humanidade por expor a vida de cidadãos brasileiros, com ações concretas que estimulam o contágio e a proliferação do vírus, aplicando a pena cabível.

“Por ação ou omissão, Bolsonaro coloca a vida da população em risco, come…

AO VIVO | ABJD debate Educação em tempo de Pandemia: Direitos e Deveres, dia 4, às 18h



Falta de uma coordenação nacional para enfrentar os problemas educacionais, falta de apoio do Ministério da Educação (MEC) aos estados, inúmeras dúvidas e limitações sobre o ensino à distância. Quais são os direitos e deveres de alunos e professores durante a pandemia? Essas e outras questões serão debatidas durante a transmissão ao vivo do debate: Educação em tempo de Pandemia: Direitos e Deveres.

O evento será na próxima segunda-feira, (4), às 18h, no Facebook da Associação: ABJDBR 

Mediada pela integrante da Executiva Nacional da ABJD, Erica Meireles, a conversa terá a participação da professora Eblin Farage, secretária geral do ANDES (Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior), da estudante Ana Júlia Ribeiro (FENED/ABJD-PR) e do professor Titular de Direito Constitucional, Marcelo Cattoni (ABJD-MG).