ABJD denuncia Bolsonaro por crime contra a humanidade no Tribunal Penal Internacional

Presidente estimula o contágio e coloca a vida de milhares de pessoas em risco na pandemia A ABJD (Associação Brasileira de Juristas pela Democracia) protocolou nesta quinta-feira, (2/4) uma representação (Leia a íntegra em português e inglês ) no TPI (Tribunal Penal Internacional) contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, pela prática de crime contra a humanidade que vitima a população brasileira diante da pandemia de coronavírus. Acesse o texto de divulgação em  inglês e espanhol . De acordo com a entidade, o Brasil possui, no atual momento, um chefe de governo e de Estado cujas atitudes são total e absolutamente irresponsáveis. Por isso, solicitam ao TPI que instaure procedimento para averiguar a conduta do presidente e condene Bolsonaro pelo crime contra a humanidade por expor a vida de cidadãos brasileiros, com ações concretas que estimulam o contágio e a proliferação do vírus, aplicando a pena cabível. “Por ação ou omissão, Bolsonaro coloca a vida d

NOTA DE PESAR

 


A Associação Brasileira de Juristas pela Democracia – ABJD, por sua Coordenação Executiva Nacional, comunica o falecimento de Ricardo Brites, esposo de nossa companheira Marcelise Azevedo, ocorrido nesta madrugada do dia 15 de novembro DE 2020, em Brasilia -DF.

Professor da Universidade de Brasília, seu legado em muito contribuiu com a educação pública de qualidade no país, deixando uma cadeira vazia.

Num momento em que a solidariedade não pode ser manifestada em calor humano, com abraço forte, expressamos aqui nosso profundo pesar e levamos à família o sentimento de companheirismo irrestrito e parceiro, confiantes de que a história de Ricardo Brites será a grande força e motivação para viver sua ausência.

Com carinho, estamos com vocês!!!